Navigation Menu+

Classes de prestígio, o druida

Posted on Apr 7, 2011 | 9 comments

Ilustrações: Destaque: Asahisuperdry; topo: Marcelo Duarte Ferrari

No segundo episódio da série Classes de Prestígio, deitamo-nos sobre o druida, essa classe mística. Vemos que eles não se resumem apenas a protetores da natureza.

03:15 Apresentação do tema.
03:40 Nosso patrocinador!
04:43 O druida histórico.
13:55 Druidas nos nos videogames / xamã?
15:30 No AD&D.
26:55 A classe no D&D.
34:24 O druida no PH2 do D&D 4e.
39:00 Druidas em outros sistemas.
40:22 Sugestões para jogar com um druida.
43:00 Ganchos para aventuras.
49:17 Exemplos de druidas na literatura.
52:30 Recados: agradecimento aos doadores, World RPG Fest.
61:57 Vozes de Fundo versão estendida, com direito a teste de som.

Nossa trilha sonora é cortesia de Marcos Kleine.

9 Comments

  1. Ae!!! Até que enfim saiu um VTT! Já tinha ouvido o podcast todo e esperava por novidade.

    Bom, primeiramente percebo que o Ivar é de familia nômande, já esteve em tudo quanto é Estado o rapaz.

    Sobre a classe druida, sempre foi meu preferido. Como eu era sempre o clérigo no meu antigo grupo de AD&D, para diversificar eu escolhia o Druida também. Apesar de que nunca passei do nível 10 com um, por diversos motivos.

    E, Diabético, vulgo Alexandre, como a gente faz para participar desse grupo de teatro, hein? rsrsrs

    Abraços,

  2. Curti o episódio.

    Já comprei com o patrocinador de vocês, o cara é bom mesmo. Espero que ele traga Legendary Evils pra cá.

  3. O Tom Bombardil, que aparece no primeiro livro dO Senhor dos Anéis, poderia ser considerado um druida?

    • O Tom Bombadil era o próprio Tolkien. É o tal do NPC do DM que queria estar jogando.

  4. Engraçado que esses dias estava relendo o druida do Ad&d e todo aquele lance do desafio do hierofante. Gostei da idéia do “druida louco/corrompido” como vilão. Anotado aqui. Abraço.

  5. Só um adendo:

    Não moro na Alemanha, mas no Reino Unido, em Londres. 🙂

    Minha mulher e meu filho são alemães. Na verdade, eles têm dupla nacionalidade: germano-brasileiros.

    Enfim, eu acho que a contribuição é mais do que merecida. É a minha forma de reconhecer o trabalho de vocês e de devolver as horas de podcast que vocês me proporcionam. Os podcasts são a minha companhia na academia e voltando do trabalho, e também a maneira que eu tenho de manter contato com o RPG, visto que eu não jogo há anos. Por sinal, comecei a jogar com o Fiorito ainda no final da década de 80. 😉

    Um abraço e longa vida à 3aT!

  6. Tem um filme tosco do cara que fez Highlander…Acho que chama Guerreiro Lendário….que explica muito bem o conceito de druidismo e a relação destes com Roma……
    abraços!!!

  7. iai galera,primeira vez ouvindo o podcast e cai logo no de druida,muito bom o cash,e ainda mais que o druida é o personagem que eu jogo mais de 5 anos,cash muito interessante a historia do druidismo é nova para mim pq nunca soube que tal religião tinha existido.o druida piradão que vcs falaram que tem no completo do divino(3.5) e mestre selvagens(3.0) é o corruptor,que é a classe de prestigio pra um druida malvado,ele perde todas as suas habilidades de druida que ele tinha anteriormente e ganha novas habilidades,como forma selvagem de mortos vivos e criar animais mortos vivos.mais como desvantagem ele perde seu acesso a magias do druida que ele tinha mais ele ganha magias novas e tem a capacidade pegar magias de nivel 9 mais rapidamente.bem é isso galera e parabens pelo podcast.

  8. “Corruptor” é o nome da classe de prestígio do druida corrompido, q é citado em 33/34min.

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *