Navigation Menu+

Euro vs. Ameritrash

Posted on Dec 27, 2013 | 3 comments

Marcelo, Luciana e Alex (Estilingue) confrontam os dois estilos de jogos de tabuleiro.

[00:00] Apresentação do tema.
[02:04] Uma breve história dos jogos de tabuleiro.
[13:00] O advento da escola alemã.
[17:19] Ouro americano.
[19:55] Regras simples e acessíveis.
[24:08] Jogo rápido.
[25:57] Século 21: a Renascença dos jogos.
[31:03] Jogos para todos os gostos, todas as línguas.
[35:43] Enquanto isso, no Brasil…
[36:58] Encerramento.
[38:16] Recados e agradecimentos.
[40:37] Cartas e mensagens dos ouvintes.
[44:43] Encerramento.

Links citados:
Megah e Tyr – Dig Up Her Bones (Misfits Future Melodic Deathmetal Cover)
‘Werewolf 20th Anniversary Edition’ with Richard Thomas (episódio do Channel 2)

Nosso e-mail é vozes@terceiraterra.com

A trilha sonora deste podcast é de cortesia do músico Marcos Kleine. Visite sua página: MarcosKleine.com.br

A foto do destaque do episódio de hoje é a capa da primeira edição brasileira do Cartel (Acquire) da Grow; a imagem não está creditada no manual. A foto do topo é © 2013 Marcelo Duarte Ferrari e é uma ótima representação do discutido aqui; da esquerda para a direita: Battue (Ameritrash com elementos Euro), Shadow Hunters (designer game japonês, estilo Ameritrash porém abstrato), Age of Conan (Euro com cara de Ameritrash), Witch of Salem (designer game alemão quase puro) e The Lord of the Rings (designer game alemão mas com elementos importantes Ameritrash).

Vozes da Terceira Terra #198, gravado em 27/12/2013.

3 Comments

  1. Apesar de quase não comentar, eu ouço todos os VTTs, viu?

    • Hehehe! Nós acreditamos e agradecemos, Augusto!

  2. Mais um episódio bacana, só uma observação: uma versão da origem do termo “ameritrash” que eu tinha escutado em algum outro podcast (só não lembro se era gringo ou nacional) era que os boardgames americanos usavam e se baseavam demais em componentes (independente do material, se era de plástico ou madeira), ou seja, o jogo se dava pela quantidade enorme de “tranqueira” (daí o termo) utilizada logo no setup inicial e/ou ao longo da partida. Abraço para o casal.

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *